28 3548-1333      28 99965-1957

Paróquia

Pe. Juliano é aprovado em seu doutorado

 

Veja a entrevista de nosso pároco, concedida ao site da Arquidiocese de Vitória, após a sua aprovação no doutorado em teologia na última sexta:

Pe. Juliano Ribeiro de Almeida pároco em Irupi, diocese de Cachoeiro de Itapemirim defendeu sua tese de doutorado em teologia no dia 8 de maio de 2020 em meio à pandemia provocada pelo coronavírus. A tese foi preparada durante 4 anos na FAJE, Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia, em Belo Horizonte.

Como estudo, pe. Juliano comparou as teologias de São Tomás e do bem-aventurado João Duns Scotus com o propósito de tornar mais conhecida a teologia escotiana. “[...] é necessário renovar a teologia não apenas com novos conteúdos, mas sobretudo com um novo método e mesmo um novo paradigma”, disse.

Ordenado em 18 de março de 2006, pe. Juliano estudou filosofia e teologia no IFTAV, Instituto de Filosofia e Teologia da Arquidiocese de Vitória, fez mestrado no Boston College, EUA,  e, hoje é professor no Centro de Estudos Dom Silvestre Luiz Scandian. É também pároco na Paróquia Nosso Senhor Jesus Cristo Luz dos Povos, em Irupi. Parabéns, pe. Juliano, a Arquidiocese de Vitória alegra-se com sua conquista.

Ao site da Arquidiocese de Vitória, pe. Juliano respondeu algumas perguntas:

Quanto tempo de estudo para concluir o doutorado?

Foram quatro anos intensos, de março de 2016 a março de 2020, quando submeti a tese ao exame dos membros da banca. A defesa aconteceu no último 08 de maio.

Por que a escolha do tema?

Na dissertação de mestrado que defendi em 2015 no Boston College, pesquisando o tema natureza humana, descobri a riqueza do pensamento do bem-aventurado João Duns Scotus († 1308), um dos maiores nomes da Escola Franciscana de filosofia e teologia, que, desde então, foi considerado uma espécie de “competidor” de Santo Tomás de Aquino, embora equivocadamente. Acontece que a doutrina de Santo Tomás acabou sendo preferida pela Igreja, chegando a tornar-se quase a teologia oficial do catolicismo. Isso ofuscou o igualmente importante Doutor Sutil, como Scotus é conhecido. Escolhi comparar as teologias de Tomás e Scotus, propondo que nesses nossos tempos é necessário renovar a teologia não apenas com novos conteúdos, mas sobretudo com um novo método e mesmo um novo paradigma. Minha tese, por isso, propõe que os teólogos conheçam melhor a teologia escotiana, que tem muito a oferecer.

Como conciliou estudo e atividades do ministério?

O ideal é que um doutorando esteja liberado para dedicação exclusiva à pesquisa. Porém, as necessidades pastorais da minha diocese me obrigaram a fazer uma adaptação. Dom Dario, então nosso bispo em Cachoeiro de Itapemirim, permitiu que eu morasse por dois anos em Belo Horizonte, próximo ao campus da Faculdade Jesuíta; e na segunda metade do doutorado eu fui vigário paroquial e depois pároco. Sob orientação do meu supervisor acadêmico e do meu diretor espiritual, tive que desenvolver grande disciplina para dar conta da pesquisa nos devidos prazos, sem faltar com a missão pastoral. Com a compreensão dos meus paroquianos de que o estudo da teologia é tão importante quanto o serviço na paróquia, fui me organizando de modo que alguns dias da semana fossem mais dedicados ao doutorado. No fim, deu tudo certo, o que atribuo totalmente à graça de Deus.

O que o aprofundamento do tema acrescentou à sua vida sacerdotal?

Todo presbítero tem que ser, ao mesmo tempo, pastor e teólogo, senão torna-se um mero funcionário da instituição eclesiástica. Os desafios que enfrentamos hoje nos obrigam a nos capacitar para o diálogo com a cultura e com as ciências. A licença que minha diocese me deu nesses últimos para estudar fortaleceu minha vocação e me deu muito mais condições para colaborar com a evangelização. Trago comigo muita gratidão à Igreja por ter me concedido essa oportunidade, um privilégio para quem se sente chamado ao estudo. E me sinto com muita energia e muitas ideias para servir melhor em que me for requisitado.

Fonte: https://aves.org.br/noticia/pe-juliano-ribeiro-da-diocese-de-cachoeiro-de-itapemirim-conclui-doutorado-em-teologia?fbclid=IwAR0jghwAeiqY0VdnCd45U9sCHfS7dWYuV58naxUedRBlsxGKmmHuFtZ_HBw

28 3548-1333

Praça da Matriz, 01 - Centro

CEP: 29398-000 - Irupi - ES

 

© 2018 Paróquia Nosso Senhor Jesus Cristo Luz dos Povos | Irupi-ES. Todos os direitos reservados.